Mosaicos

Rede Vital e Narcóticos | Programa de 11.09.2011

Chama-se rede vital ao invólucro que existe entre os centros de força etéricos (chacras) e astral (esse também possui chacras) a qual impede qualquer comunicação prematura entre os planos astral e físico. É também chamado pelos ocultistas de Regato Vital e é constituída de matéria do mais alto sub-plano do físico, ou seja, de matéria atômica. Se não possuíssemos essa rede ou armadura, toda a sorte de experiências astrais invadiria nossa consciência física, acarretando-nos graves consequências. Serve também para impedir a recordação precisa de nossas atividades durante o sono. Em geral, porém, essa lembrança depressa se apaga e quanto maiores forem os esforços para retê-la mais rápido fugir-nos-á. Isto porque cada esforço produz no cérebro físico, e no etérico correspondente, vibrações que tendem a vencer as vibrações mais sutis vindas do astral. Um acesso de cólera, uma emoção violenta podem romper este retináculo, acarretando males, tais como a loucura momentânea. São causas também de deteriorização desta rede, o continuado uso de narcóticos, hipnóticos (ópio e derivados, como a morfina, a tão em voga “maconha” e outros narcóticos), álcool e até do café e chá. Estas substâncias anulam o efeito da rede e, quando as empregamos em excesso, acabam por deteriorá-la.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Vida Inteligente